A Igreja Católica é constituída por 24 Igrejas autônomas, e você sabia disso?

infosul
Foto: Reprodução

Normalmente somos levados a pensar que a Igreja Católica Romana é apenas uma única Igreja. Mas isso não é verdade.

A expressão "UNA" rezado no credo Niceno-constantinopolitano, indica uma unidade de Igrejas em torno de uma fé e de um líder espiritual, o Papa, de tal modo que a Igreja Católica não se limita ao rito romano: ela é uma grande comunhão de 24 Igrejas, sendo uma ocidental e 23 orientais.

No ocidente, a tradição latina da Igreja Católica Apostólica de rito Romano é a principal.

No entanto, ela se espalha pelos cinco continentes. É chamado “ocidental” por conta da localização geográfica de Roma.

As Igrejas católicas orientais, por razões históricas, estão mais fortemente presentes nos lugares onde surgiram, mas também têm fiéis espalhados pelo mundo. Suas estruturas e organização territorial são próprias, assim como as suas tradições culturais, teológicas e litúrgicas. Mas professam a mesma e única doutrina e fé católica, mantendo-se em comunhão completa entre si e com a Santa Sé.

Todas as Igrejas que formam a Igreja Católica tiveram os ritos aprovados pelo Concílio Vaticano II, afirmando que todas têm a mesma dignidade e direito e devem ser preservados e promovidos.

Eis a impressionante lista:

DE RITO OCIDENTAL; Igreja Católica Apostólica Romana.

DE RITOS ORIENTAIS; Igreja Católica Copta, Etíope, Eritreia, Melquita, Bizantina Grega, Bizantina Ítalo-Albanesa, Greco-Católica Ucraniana, Greco-Católica Bielorrussa, Greco-Católica Russa, Greco-Católica Búlgara, Bizantina Eslovaca, Greco-Católica Húngara, Bizantina da Croácia e Sérvia, Greco-Católica Romena, Bizantina Rutena, Bizantina Albanesa, Greco-Católica Macedônica, Católica Armênia, Igreja Maronita, Siríaca, Siro-Malancar, Caldeia, Siro-Malabar.

× Fale com o Infosul