Castilho Silvano Vieira é eleito prefeito de Sangão

Em uma disputa acirrada, Castilho Silvano Vieira (PP) foi eleito neste domingo, 15, o novo prefeito de Sangão. Com todas as urnas apuradas, ele recebeu 40,98% dos votos válidos. Ex-prefeito (2013-2016), ele retorna ao cargo depois de quatro anos. Castilho, ao lado do vice-prefeito eleito Jaime da Cula (PP), vai administrar a cidade de 12.905 habitantes pelos próximos quatro anos.

Em segundo lugar na disputa sangãoense ficou o candidato Rinaldo Santa’Ana Corrêa (MDB), com 39,47% dos votos. Foram apenas 105 votos de diferença em relação ao primeiro colocado. Em terceiro lugar ficou o ex-prefeito Antônio Mauro (Podemos), com 19,55% dos votos.

A vitória de Castilho marca o retorno dele ao cargo depois de quatros anos. Em 2016, ele chegou a ser reeleito nas eleições municipais daquele ano, mas o Tribunal Superior Eleitoral considerou que o então prefeito estava indo para o terceiro mandato seguido e impugnou a chapa. A decisão fez os eleitores sangãoenses voltarem às urnas em abril de 2017 para uma eleição suplementar. Ao voltar para a disputa este ano, Castilho recorreu a um discurso em que se colocava como injustiçado pela decisão do TSE de 2016.

“Muito obrigado, um abraço no coração de cada um. Agora, a partir do dia primeiro de janeiro vamos administrar o Sangão com muito carinho e atender bem o povo, a todos. Enrolar as bandeiras e dizer que nós vamos trabalhar para todo o povo de Sangão”, declarou Castilho após a vitória.

O site e o App do TSE que divulgam os resultados das eleições 2020 demoraram a atualizar os dados, por isso a totalização final dos votos atrasou neste domingo.

Resultado final das eleições em Sangão
Castilho (PP) – 40,98% - 2.855 votos
Rinaldo (MDB) – 39,47% - 2.750 votos
Antônio Mauro (Podemos) – 19,55% - 1.362 votos

Nulos – 83 (1,17%)
Brancos – 48 (0,68%)

Comparecimento - 7.098 (85,98%)
Abstenção - 1.157 (14,02%)

Confira os vereadores eleitos:
Anderson de Souza (PP) – 684 votos
Alécio (MDB) – 636 votos
Gilson de Souza (PP) – 459 votos
Nego do Frizzo (PP) – 448
Gê Salvalaio (MDB) – 434 votos
Obetudes da Silva (PP) – 394 votos
Eladinho (PP) – 357 votos
Marcelo Rocha (MDB) – 345 votos
Dadal (MDB) – 229 votos