Centenas de famílias solicitaram cestas básicas mas não foram retirar; alimentos perecíveis podem estragar

Foto: reprodução/PMCB

Centenas de pais ou responsáveis por alunos de Capivari de Baixo ainda não foram retirar os kits de alimentos, oferecidos pelo município às famílias cadastradas na Secretaria de Educação, Cultura e Esportes e Turismo, na condição de ajuda emergencial durante a pandemia de Covid-19. Pelo menos 2 mil alunos tiveram o cadastro confirmado na primeira etapa da ajuda municipal. O número de famílias que não retiraram os kits representa ¼ do total.

“Como há nestes kits também alimentos perecíveis, a demora dos pais já começa a nos preocupar”, diz a nutricionista do Município, Fabíola Konig, uma das pessoas envolvidas na seleção e distribuição dos alimentos.

Segundo a Administração, a pasta já tentou contato com os faltantes através de comunicados, aplicativo de mensagens e telefone. Por ser comprado com recursos destinados à merenda escolar, os alimentos – mesmo os perecíveis – não podem ser usados para outra finalidade senão a adotada.

Portanto, pais ou responsáveis que fizeram o cadastro mas ainda não foram retirar a cesta, devem procurar a instituição de ensino da matrícula do seu filho o mais rápido possível. Já os pais de alunos das creches deve procurar as unidades de ensino para receber os kits na semana que vem, a partir do 29.