COVID-19: quarentena é prorrogada em SC; comércio retorna e shoppings permanecem fechados

Foto: reprodução

Em coletiva à imprensa na manhã deste sábado, 11, o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, anunciou a prorrogação da quarentena em todo o Estado. Desta vez, as limitações foram divididas em duas datas. Até o dia 30 de abril estão suspensos o transporte coletivo em geral, abertura de shoppings centers, e permanência em bares, cafés e similares. Já até o dia 31 de maio, estão suspensos eventos de qualquer natureza, além de missas e cultos religiosos, calendários esportivos, academias, casas noturnas, cinemas e aulas em instituições de ensino pública e privada.

O comércio, restaurantes, hotéis, pousadas e similares estão autorizados a retomar as atividades já na segunda-feira, 13, no entanto, a portaria de nº 235 de 08/04/2020 deve ser respeitada. Nela, o Estado determina que os lojistas fixem em local visível as informações de regramento estabelecidas pelo Governo para o seu ramo de atividade; assim, todos os empregados devem utilizar máscaras de tecido durante todo o seu turno de serviço; e essas máscaras devem ser substituídas a cada quatro horas ou no momento em que ficarem úmidas (o que ocorrer primeiro).

As atividades do comércio estão suspensas desde o dia 18 de março. O prejuízo, em Tubarão, por exemplo, deve ultrapassar os R$ 150 milhões, segundo o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Rafael Silvério.

Mesmo com a retomada, Carlos Moisés pediu aos que puderem ficar em casa, que fiquem. "Estamos tentando, na medida do possível, com toda cautela necessária, retomar as atividades econômicas do Estado; mas se o catarinense não colaborar, teremos que retornar com essas determinações mais bruscas. Então, quem puder, fique em casa. Ainda estamos em isolamento social", recomendou o chefe do executivo estadual.

Entretanto, as regras poderão ser endurecidas caso os números de infectados cresçam em Santa Catarina. "Se os números aumentarem, o governo pode voltar atrás e tomar novas medidas quanto às flexibilizações anunciadas", disse.

Até ontem, o número de infectados pelo novo coronavírus era 717 em todo o território catarinense, hoje são 732. O número de mortos pelo vírus também aumentou. Ontem eram 18 vítimas, hoje são 21 pacientes vitimados. Segundo dados do Governo do Estado, até o momento já foram realizados 4.900 testes para detectar o novo coronavírus em Santa Catarina. Pelo menos 288 pacientes aguardam o resultado do Laboratório Central de Saúde Pública, o Lacen.