Daniela Reinehr garante que buscará recursos para atender demandas da região

infosul
Foto: reprodução/SECOM

A necessidade de desassoreamento do canal da Barra do Camacho, em Jaguaruna, foi constatada de perto pela governadora interina Daniela Reinehr nesta quinta-feira, 22. A chefe do Executivo estadual garante que o Governo buscará fontes de recursos para atender as demandas emergenciais e contínuas do local.

O objetivo é solucionar a situação do assoreamento que prejudica a pesca, responsável pela subsistência de milhares de famílias, bem como a preservação do meio ambiente. Ainda nesta semana, o Governo Federal se comprometeu a enviar R$ 1,5 milhão para a dragagem da barra.

“Reconhecemos a necessidade emergencial e a oportunidade de unir esforços para planejar um futuro adequado e condizente com o potencial da região. Atuamos para resgatar a capacidade do nosso povo de trabalhar e para que as regiões se desenvolvam. Precisamos lançar o olhar sobre a infraestrutura de Santa Catarina”, disse Daniela Reinehr.

O roteiro para Jaguaruna ocorreu após reunião de trabalho com autoridades realizada na última terça-feira, 20, em Florianópolis. Na ocasião, a Amurel apresentou um projeto de engenharia para desassoreamento da Barra do Camacho. A obra está orçada em R$ 4,6 milhões.

A governadora informou que o projeto proposto pela Amurel será analisado pela Secretaria de Estado da Infraestrutura, juntamente com a força-tarefa que inclui Defesa Civil e Secretaria da Agricultura e Pesca, entre outros órgãos, para que sejam feitas as adequações necessárias. “O compromisso é para que a obra do Camacho seja concluída o mais breve possível e com isso melhorar a atividade econômica, pesqueira e a segurança das pessoas”.

× Fale com o Infosul