Guarda-vidas e banhistas sofrem com ataques de cães nas praias de Jaguaruna

Foto: divulgação/Guilherme Virissimo

Nesta temporada mais uma dificuldade está sendo enfrentada pelos guarda vidas em Jaguaruna. Além dos perigos do mar, dos veículos (automóveis e motocicletas) na faixa de areia e da imprudência de muitos banhistas, os cães na praia tem sido um perigo a todos que frequentam os balneários do município, especialmente os guarda vidas enquanto correm para um resgate ou em treinamento físico.

Os ataques são constantes e em alguns casos já fizeram vítimas com mordidas que até já resultaram em afastamento do serviço. Casos de mordidas foram registrados na Esplanada (2 casos), Campo Bom e Camacho com 1 caso cada.

Segundo informações dos guarda vidas, aparentemente os cães não possuem donos e frequentam as praias regularmente.