Hercílio Luz empata com a Chapecoense pelo jogo de ida das quartas do Catarinense

Caio Maximiano
Caio Maximiano
Foto: Patrícia Amorim | Hercílio Luz

Em tarde de chances desperdiçadas e brilho do goleiro Otávio, o Hercílio Luz recebeu a Chapecoense no Aníbal Costa, em Tubarão, e ficou no empate em 0 a 0 pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Catarinense. A equipe visitante pressionou, mas parou no goleiro da equipe colorada. O Hercílio teve oportunidades para conquistar a vitória, mas não conseguiu finalizar as jogadas em gol.

Para chegar à semifinal do Estadual, o Leão do Sul terá que vencer a partida da volta, já que a Chape tem a vantagem de jogar por dois resultados iguais por ter se classificado na primeira colocação. O confronto que define a equipe classificada para a próxima fase acontece nesta quarta-feira (28), às 21h30, na Arena Condá, em Chapecó.

O técnico Tom conta com o retorno do zagueiro Rodolfo Mol e do atacante Luizão, suspensos após serem expulsos na partida contra o Joinville. Jhonata e Marlon foram os substitutos neste domingo.

O JOGO

O primeiro tempo foi tecnicamente fraco e sem muitas chances de gol. O gramado castigado pela chuva da última semana foi um adversário para as duas equipes durante a partida. Nos primeiros 45 minutos, a Chapecoense foi quem criou as melhores chances de marcar, principalmente pelo lado esquerdo do campo. A chance mais clara da Chape veio aos 19 minutos. Em boa jogada pelo meio, Perotti encontrou Geuvânio na esquerda, que driblou a marcação e chutou forte à esquerda da meta colorada. As outras chances não ofereceram tanto perigo para o goleiro Otávio. O Leão teve duas oportunidades apenas, com Renato e Wellington, que chutaram longe do gol.

A segunda etapa teve mais intensidade. Logo aos 3 minutos, Eduardo Meurer recebeu na intermediária e soltou uma bomba por cima do gol. A Chape respondeu dois minutos depois, reclamando de um pênalti não marcado. No bate-rebate, Laércio pediu toque de mão da defesa do Hercílio. Luiz Augusto Silveira Tisne mandou seguir. Aos 14, o Leão do Sul perdeu uma de suas melhores chances de abrir o marcador. Em jogada pela esquerda, Levi achou Renato Soares, que cruzou rasteiro para Wellington. O camisa 11 perdeu o tempo da bola e não conseguiu a finalização.

A famosa frase "quem não faz toma" só não foi inimiga do Hercílio Luz por conta do travessão. Na chegada ao ataque, Busanello chutou forte e acertou a trave superior do goleiro Otávio. A reação do Leão em busca do gol veio na jogada seguinte. Em contra-ataque em velocidade, Levi recebeu o passe, invadiu a grande área e finalizou para a grande defesa do goleiro Keiller. A partir daí, na reta final do jogo, só deu Otávio. Aos 29, Perotti mandou uma bomba no cantinho e o goleiro se esticou todo para salvar o Leão. Renato Henrique ainda teve mais uma chance de dar a vitória ao time da casa, mas a cabeçada após o cruzamento de Rafael Rosa passou à direita da meta defendida por Keiller. Aos 37, uma blitz na área do Hercílio Luz. Lima lançou para Fabinho na direita, que chegou ajeitando para Léo Gomes chutar de primeira. Otávio espalmou e mandou pra escanteio. Na sequência, Otávio fez mais uma boa defesa na finalização de Ezequiel.

Com o placar inalterado, a decisão fica para Chapecó. O Hercílio Luz precisa vencer, já que a equipe adversária tem a vantagem do empate por conta da classificação em primeiro lugar na fase classificatória do Campeonato Catarinense.

FICHA TÉCNICA - HERCÍLIO LUZ 0x0 CHAPECOENSE

Catarinense Série A 2021 - quartas de final (ida)

Estádio: Aníbal Costa - Tubarão (SC)
Data e hora: 25/04/2021 -16 horas
Árbitro: Luiz Augusto Silveira Tisne
Assistentes: Alexandre de Medeiros Lodetti e Elen Carolin Portal Sieglitz
Público/renda: jogo com portões fechados
Cartões amarelos: Rafael Rosa (HER) e Laércio (CHA)
Cartões vermelhos: sem ocorrência

HERCÍLIO LUZ: Otávio, Lucas Silva, Negretti, Jhonata e Rafael Rosa; Eduardo Meurer, Renato Soares e Renato Henrique (Garraty); Wellington (PH), Marlon (Lucas Pederzoli) e Levi. Técnico: Tom

CHAPECOENSE: Keiller, Ezequiel, Laércio, Derlan e Busanello; Alan Santos, Anderson Leite (Léo Gomes) e Ravanelli (Lima); Mike (Fabinho), Perotti e Geuvânio (Fernandinho). Técnico: Mozart

Capitães Negretti (Hercílio Luz) e Anderson Leite (Chapecoense) posam para foto antes da partida.
Foto: Patrícia Amorim | HLFC
Caio Maximiano
× Fale com o Infosul