Hercílio Luz vence a Caçadorense fora e acesso à elite fica muito próximo

Foto: Patrícia Amorim | Assessoria HL Foto: Patrícia Amorim | Assessoria HL

Por Caio Maximiano

O Hercílio Luz deu um grande passo nesta segunda-feira (07) e encaminhou o seu retorno para a primeira divisão do futebol catarinense. O Leão do Sul encarou a Caçadorense e venceu a partida por 2 a 1 com gols de Negretti e Douglas Kemmer. O triunfo leonino deixa a equipe a um empate de conseguir o acesso.

O time comandado por Rodrigo Bandeira chega aos 16 pontos na tabela de classificação e assume a liderança a uma rodada do fim da Série B do Campeonato Catarinense. Outra equipe que soma 16 pontos é o Metropolitano, que inclusive, é o adversário do Hercílio Luz no próximo domingo (13), às 15 horas, no Aníbal Torres Costa.

O cenário para a última rodada da fase classificatória da Série B é o seguinte:

1° - Hercílio Luz - 16 pontos
2° - Metropolitano - 16 pontos
3° - Próspera -14 pontos
4° - Barra - 13 pontos
5° - Camboriú - 12 pontos
6° - Caçadorense - 12 pontos

Partidas diretamente ligadas à briga pelo acesso:

Hercílio x Metropolitano
Navegantes x Próspera
Barra x Fluminense
Camboríu x Guarani
Inter de Lages x Caçadorense

FICHA TÉCNICA - CAÇADORENSE 1x2 HERCÍLIO LUZ

Campeonato Catarinense Série B 2020 - 8ª rodada

Estádio: Carlos Alberto da Costa Neves
Data e hora: 07/12/2020 - 15 horas
Árbitro: Fernando Henrique de Medeiros Miranda
Auxiliares: Alex dos Santos e Fabiano Coelho da Silva
Público/renda: jogo com portões fechados
Cartões amarelos: Maycon (CAÇ), Paulinho (CAÇ), Evailton (CAÇ), Negretti (HER), Jeff Prill (HER), Geovane (HER), Hyago (HER) e Douglas Kemmer (HER)
Cartões vermelhos: Paulinho (CAÇ)

GOLS: Negretti (HER - 10'/1T), Maycon (CAÇ - 46'/1T) e Douglas Kemmer (42'/2T)

CAÇADORENSE: Pablo, Alexandre Bindé, Vaná, Téssio e Paulinho; Vínicius (Luiz Humberto), Júlio César e Diego Torres; Maycon (Guilherme Andrade), Dionas Bruno (Rafael Mineiro) e Miguel (Patric). Técnico: Itaqui

HERCÍLIO: Júlio César, Geovane, Negretti, Hyago (Cleiton) e Boré; Jhonatha, Jeff Prill (Dudu Sacramento) e Rafinha (Lucas Pederzoli); Tony Jr, Vínicius (Douglas Kemmer) e Thiago Furlan (Wellington). Técnico: Rodrigo Bandeira