Horóscopo | Astrologia: O Bullying dos meninos

Luiz Henrique
Luiz Henrique
Últimos posts por Luiz Henrique (exibir todos)
Foto: reprodução

Horóscopo da Semana

ÁRIES
A entrada de Marte em câncer, aumenta sua necessidade de prestar cuidado aos outros, principalmente familiares. Uma nova forma de buscar mais equilíbrio, chega agora que terminou o seu inferno astral. Usar esse aprendizado em seu profissional poderá lhe valer novas conquistas, mas ainda assim deve ater-se em quem confiar.

TOURO
Você deve mudar de método se quiser obter outros resultados. As questões amorosas precisam de outro enfoque, que não se baseie em “como era” e sim em “como deverá ser”, ou então você estará cortando opção, deixando tudo como sempre foi, você, seus pensamentos e um mundo lá fora.

GÊMEOS
Mercúrio, seu regente está em Touro. Você pode se sentir um pouco mais lento e metódico em seu pensamento. Isso poderá ajudá-lo a desenvolver sua compreensão a cerca dos próprios erros. Momento a ser aproveitado na busca de solução e recuperação de espaços perdidos. Seu tino comercial poderá lhe render vantagens em negócios.

CÂNCER
Você pode ver seus próprios sentimentos com frieza e objetividade. Não tenda a se envolver muito emocionalmente com os dramas pessoais alheios. Isso pode aumentar a sua produtividade e desempenho em coisas mais objetivas e lucrativas também. Há lucros a receber pelo seu trabalho e força de vontade. Amor em ótima fase.

LEÃO
Construir, crescer e desenvolver coisas com cuidado e atenção. Você tem uma abundância de energia criativa e uma forte necessidade de se projetar no mundo de maneiras que expressem sua individualidade. Tenha o cuidado de não incentivar disputas e nem rivalidades, pois isso apenas aumentaria desgastes.

VIRGEM
Planos e metas de carreira frequentemente ocupam sua atenção. Se sentirá estimulado a planejar, projetar ou a decidir algum aspecto de sua carreira. Você trabalhou duro e há um saldo positivo como resultado de seus esforços. Há outro lado que não opera assim matematicamente, que são os sentimentos. Esses merecem mais atenção.

LIBRA
Você é sensual, fisicamente inclinado à responder fortemente à beleza e ao sexo oposto. Vênus, seu regente poderá encorajá-lo ainda mais nessa direção, se relacionando com as pessoas de maneira harmoniosa e diplomática. Faço por onde se sentir mais seguro, que estará mais apto a resolver as questões sem atrasos nem demoras. É proibido ficar parado.

ESCORPIÃO
Você tem uma necessidade interior profunda de formar relacionamentos íntimos, saudáveis e harmoniosos. Não deixe desviar-se dessa forma, mais prudente de agir, você está abrindo caminho para realizações futuras que dependem de bons relacionamentos. Confie mais em sua própria intuição e conseguirá compreender melhor os sentimentos dos outros.

SAGITÁRIO
Você desfrutará e atrairá benefícios em atividades comerciais, envolvimento político e atividades científicas. A generosidade é uma das suas virtudes, mas as vezes você é indiscriminado e pode ser excessivamente generoso. Controle melhor os próprios excessos e o sucesso estará assegurado, pelo menos no seu profissional.

CAPRICÓRNIO
Você busca sinceridade e profundidade em seus envolvimentos. Mas precisa diminuir a crítica da sociedade e dos movimentos populares. Proceda de forma a se relacionar bem com os outros socialmente, mas deve ser cauteloso nas relações pessoais, você ainda pode está fragilizada com acontecimentos recentes.

AQUÁRIO
Você tem um espírito empresarial progressista, mas precisa conter sua recusa em se submeter a uma rotina rígida e rapidamente, se quiser aproveitar melhor o que o momento lhe oferece. Você tem um grande interesse por dispositivos eletrônicos e mecânicos que facilitam nossas tarefas diárias das pessoas. Determine-se e explore seus próprios talentos.

PEIXES
A tendência de ser indiscriminadamente generoso convida outras pessoas a tirar vantagem de você. Netuno, seu regente, em Peixes, torna você é um sonhador, idealista e visionário. A tendência ao escapismo deve ser controlada evitando assim certos excessos prejudiciais. A melhor maneira de controlar tudo isso é a de buscar desenvolvimento espiritual verdadeiro.

O CAMINHO DOS ASTROS 82

O Bullying dos meninos
"E o fascista fascinante deixa a gente ignorante e fascinada” (Toda Forma de Poder - Engenheiros do Hawai)                   

As narrativas precisam de um elemento fundamental para que possam funcionar, você. Essa quadratura dupla entre Sol, Lua e Saturno, soará como um gongo chinês. A Lua simboliza o popular, a multidão; o Sol, significa o rumo, mas também o comando, o ideal a ser seguido. Os desafios desse momento cairão feito raio sobre o que resta de  nossa ideia de poder e dos seus párias representados.

A parte mais tradicional (Saturno), irá passar por uma peneira conceitual, um colapso, um corte nas linhas da mão do destino. Algo estará definitivamente perdido, e  algo será  imediatamente  substituído, por algo novo a ser aprendido. Nas quadraturas, um elemento não se mistura com o outro, há dissoluções e rupturas.

Tais efeitos não serão sentidos de imediato, ainda vamos  passar muitos sustos pela perda do significado de coisas  do tipo religião e do conhecimento organizado (ciência). Este desafio também está explicitado no céu do momento, com a quadratura de Saturno/Urano se intensificando.

Você ja parou para observar no que estamos nos transformando desde quando começou essa guerra de narrativas? Em CPFS válidos e outros 400.000 cancelados. Sempre que alguém, com algum tipo de poder, corrompe,  usurpa e subjuga, seja lá da forma que for, a outrem, temos um trauma.

Ocorre sempre quando um (de) maior, impõe uma mentira ou (pre) conceito danoso ao nosso ser interno, isso até uma criança sabe... O abusador usa um discurso vertical, baseado na força, que distorce o senso de realidade da(s) vítima(s), produzindo uma pseudo-verdade, que através de seu poder de persuasão, acaba distorcendo e danificando o psicológico  das pessoas propositalmente.

Sendo assim, somos ou não somos uma nação de traumatizados? É exatamente o mesmo que ocorre com o abuso infantil, a regra do mais forte, subverte e viola aquele  que está em situação vulnerável. A lei do covarde. Se queremos erradicar o abuso infantil, precisamos criar novos parâmetros  sobre o que significa uma ordem, uma solicitação vinda de cima para baixo, negando a realidade factual, impondo autoridade, criando  uma realidade paralela, como a dialética do absurdo, que estamos vivendo agora.

Somos uma população infantil em abuso constante. O abuso psicológico de uma população infantilizada. Romper com essa infância, é o desafio posto entre Saturno e Urano, o céu  e a semente, o velho e a criança, o passado e o futuro e todas as mudanças.

Luiz Henrique
Últimos posts por Luiz Henrique (exibir todos)
× Fale com o Infosul