Hospital de Caridade de Jaguaruna efetua pagamentos, mas situação é delicada

Foto: reprodução

O Ideas, responsável pela administração do Hospital de Caridade de Jaguaruna, efetuou o pagamento dos funcionários no início da tarde desta terça-feira, 14. Mais cedo, o instituto havia quitado a folha salarial do corpo médico da unidade, referente ao mês de novembro/2019, vencido em 20/12/2019. Os colaboradores da unidade deflagraram estado de greve na tarde de ontem, segunda-feira, 13. Caso os pagamentos não fossem depositados até quinta-feira, 16, às 14h, eles paralisariam as atividades, e somente casos de urgência e emergência seriam atendidos.

Conforme apurado pela reportagem, a Prefeitura de Jaguaruna realizou um repasse de R$ 90 mil ao Ideas, ainda na tarde de ontem. No entanto, esse montante serviu apenas para cobrir os débitos do corpo médico. Para que os pagamentos dos colaboradores do quadro funcional fossem creditados em tempo, isto é, antes do prazo estipulado para a greve, o Hospital necessitava de outros R$ 90 mil.

Segundo uma fonte do Portal Infosul, depois de muita conversa, a Gestão Municipal aceitou fazer mais um repasse de R$ 65 mil na manhã de hoje. O Ideas, afim de evitar uma nova paralisação dos trabalhadores, acrescentou R$ 25 mil do próprio caixa para honrar os pagamentos.

Vale lembrar que o Hospital de Caridade de Jaguaruna não recebe o repasse da prefeitura - previsto em contrato - desde o mês de novembro. Os valores devidos pelo município já somam mais de R$ 200 mil.

Em nenhum momento, desde sexta-feira passada, o prefeito da cidade Edenilson da Costa aceitou conversar com a reportagem do Infosul. Ele não atendeu nenhuma das ligações e nem respondeu nossas mensagens.

Uma reunião entre a direção do HCJ e a Administração Municipal deve ser agendada para os próximos dias.