Jaguaruna terá seis candidatos a prefeito

Arte: Portal Infosul

Em Jaguaruna, as Eleições de 2020 terão seis nomes na disputa pela prefeitura. Um recorde no município de 14.539 eleitores. Algumas das chapas ainda não definiram os vices.

Em convenção realizada nesta quarta-feira, 16, o PSL escolheu o atual prefeito Edenilson Montini da Costa como o candidato do partido. No inicio do ano ele deixou o MDB para integrar o PSL e agora busca a reeleição pela nova legenda. Seu vice será o empresário Anderson Mattos Costa (Fon) formando uma chapa pura.

Também nesta quarta, o MDB referendou o médico veterinário Agnaldo Serafim para disputar a majoritária pelo partido. A sigla selou uma aliança com o PSDB que indicou Ailton Silva para ser vice na chapa.

Na terça, 15, a convenção do PSC decidiu pelo nome de Henrique Fontana para disputar a prefeitura pela sigla. O partido vai para o pleito em chapa pura, mas ainda não definiu o vice.

O PP escolheu o ex-prefeito Marcos Tibúrcio como o candidato da majoritária. A convenção do partido ocorreu na segunda-feira, 14. No dia 12, o DEM desistiu de lançar um nome a prefeito e definiu o engenheiro eletricista Claudionor Souza dos Santos como candidato a vice de Tibúrcio. A chapa também vai ter o apoio do PL e PSD.

Já o PT confirmou o nome de engenheiro agrônomo Jackson Goulart Pereira e da agricultora familiar Vanilda Siqueira Rebelo como os postulantes a prefeito e vice pelo partido. A convenção foi realizada virtualmente no último domingo, 13. O partido vai participar das eleições com chapa pura.

O Republicanos foi primeiro partido a definir seus candidatos em Jaguaruna. A legenda confirmou a professora Jeanine Theodoro como candidata a prefeita. Ela será primeira mulher a concorrer ao cargo na cidade. O vice da chapa ainda não foi definido.

A partir das escolhas em convenção, os candidatos já podem apresentar os pedidos de registro à Justiça Eleitoral. O prazo termina no dia 26 de setembro.