Novo Sistema de Transporte Coletivo de Tubarão é apresentado

Foto: João Vitor Brasil/PMT

A empresa Profuzzi, contratada pelo Consórcio Cidade Azul, apresentou na noite desta segunda-feira, 20, o novo Sistema de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros da cidade de Tubarão. O Consultor Executivo da empresa, Ronaldo Gilberto de Oliveira, foi o responsável pela apresentação.

De acordo com Ronaldo, o projeto do coletivo foi desenvolvido em 2012, mas precisou ser adaptado para a realidade atual. Antes, o edital previa uma frota com 34 ônibus circulando pela cidade, sendo quatro reservas. No projeto atual, apenas 24 carros são suficientes, mantendo os quatro reservas.

Durante a apresentação, foi confirmada a informação que o Portal Infosul já havia repassado aos leitores na semana passada, quando adiantou que as linhas tradicionais do município se manteriam, porém, nenhuma das rotas passariam pelo centro. Nos próximos dias essas linhas vão ter dois destinos: as linhas da Margem Direita vão até a Rodoviária Antiga; já as rotas da Margem Esquerda vão até a Rodoviária Nova. Ambos os destinos vão passar pelo Farol Shopping – considerado um ponto estratégico – e, assim, os passageiros vão poder baldear para um troncal.

O troncal é uma novidade do sistema que está sendo implantado. São dois ônibus – devidamente identificados – que vão ser responsáveis por levar os passageiros até o centro da cidade, sem custo adicional. O troncal poderá ser pego em três pontos: nas duas rodoviárias e no Farol Shopping.

Para definir as rotas, o mapa da Cidade Azul foi dividido entre os desejos de origem e destino, conforme uma pesquisa realizada em 2010.

Pelo menos 95% das exigências previstas no edital de concessão já estão prontas para operação, entre elas o sistema de bilhetagem eletrônica, onde o cartão já pode ser adquirido no posto do consórcio, localizado na Avenida José Acácio Moreira, no centro de Tubarão. O primeiro cartão é gratuito, somente será pago o valor do crédito. Com essa tecnologia, o passe de papel será descartado. Os passageiros também vão poder acompanhar, em tempo real, onde o ônibus desejado está; evitando um tempo prolongado de espera. Câmeras de segurança também foram instaladas em toda a frota.

Sobre os pontos de espera, foi destacado que eles vão precisar de melhorias, mas que isso é de responsabilidade do município. Além disso, os espaços entre os pontos deverá ser de mais ou menos 300 metros. Todo o perímetro urbano da cidade será assistido pelo novo sistema, que teve como base, além da pesquisa realizada, a localização de escolas e pontos industriais do município.

Aos poucos o novo sistema deve ser implantado, com início já nos próximos dias. A expectativa é que ele esteja operando 100% em meados do mês de fevereiro. Segundo o prefeito Joares Ponticelli, a escolha da data para colocar o sistema em teste foi escolhido propositalmente por ser um período onde não há uma procura intensa pelo serviço. “O fortalecimento do transporte coletivo é extremamente importante para uma melhor mobilidade da cidade de Tubarão. Esse sistema tem que dar certo”, disse o gestor.

Futuramente, as linhas intermunicipais devem deixar de circular dentro da Cidade Azul, como por exemplo, as linhas que vem de Laguna e Jaguaruna. Essas rotas vão somente até a Rodoviária Nova, conforme determina a lei. Um caso especial será analisado nos próximos dias, que são os passageiros de Capivari de Baixo. Como a TCL, empresa responsável pelo transporte coletivo de lá, faz parte do consórcio, espera-se que façam um convênio especial para não prejudicar esses passageiros.

Todos os ajustes funcionarão como teste. Tudo será analisado e, consequentemente, readequado conforme a necessidade do município.