Polícia Ambiental apreende duas toneladas de pescados impróprios para consumo

Foto: reprodução/PMA

A Polícia Militar Ambiental de Laguna apreendeu quase duas toneladas de pescados ilegais –sem declaração de origem – em uma peixaria de Garopaba, durante a Operação Peixe Declarado, na última segunda-feira, 27. Camarão e peixes como anchova, tainhas, olhetes e pampos, foram retidos no local.

Os pescados foram adquiridos pelo estabelecimento durante o período de defeso, o que é proibido. Segundo o laudo da inspeção realizada pela Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), a mercadoria não estava própria para consumo e, por isso, teve que ser destruída.

Em operações onde os pescados são apreendidos em bom estado de conservação, eles são doados para instituições da região.