Política: “Não estaremos com o PSL e nem com o PT”, diz o presidente do PL de Tubarão

Imagem: reprodução

Declaração forte

Durante o programa ‘Entrevista Tubá’ no último sábado, 04, com o comunicador Haroldo Silva, o Dura, o vereador João Fernandes (PL), atual presidente do PL no município de Tubarão, quando questionado sobre possíveis coligações para às eleições municipais, não fez rodeio, e foi rápido e claro: “Com o PSL de certeza não vamos estar, temos projetos diferentes”. Vale ressaltar que, hoje, o PL é uma noiva bastante cobiçada.

Eleições prorrogadas

Aprovada e promulgada na semana passada, a data das eleições 2020 ficou definida para o dia 15 de novembro, um adiamento de 42 dias, que poderão dar novos rumos na política tubaronense. Consequentemente, os prazos para as convenções também foram adiados e, até lá, tem “muito chão”. Uma coisa é certa: as eleições deste ano será bastante diferente do que estávamos acostumados. Umas das diferenças será o distanciamento social; necessário em todas as etapas da corrida eleitoral.

PSL já tem pré-candidato a prefeito em Tubarão

O PSL, atual partido do governador, não esperou muito para definir o seu pré-candidato para substituir o empresário Luciano Menezes. Diego, que foi assessor do ex-vereador Lucas Esmeraldino e foi Secretário de Articulação Nacional, retorna à Cidade Azul com a missão de representar o nome e partido do governador no pleito municipal. Se vai manter sua pré-candidatura como cabeça de chapa até o final, só o tempo dirá. O fato é que Diego tem todo o direito de ser mais um pré-candidato na cidade, pois, muito antes do PSL ser o que é hoje no Estado, ele estava lá, lutando dia após dia no fortalecimento da sigla. Fez muito mais pelo partido do que alguns que hoje se beneficiam confortavelmente. Política é isso.

Lockdown tá fervendo

A declaração do diretor-presidente da Fundação Municipal de Saúde de Tubarão, Daisson trevisol, divulgada no domingo, 05, pelos órgãos de imprensa e redes sociais, sobre a possibilidade de ser decretado um Lockdown na cidade, mexeu fortemente com a opinião pública, principalmente entre lideranças empresariais e políticas. Na Câmara de Vereadores, os parlamentares dizem estar sofrendo pressões de todos os lados. O assunto deve render muito nesta semana.

Ponto negativo para a Comunicação da Prefeitura

Diante da repercussão do tal áudio, o setor de comunicação da Prefeitura de Tubarão tentou criar um grupo de WhatsApp apenas com profissionais do rádio para o repasse de mensagens do tipo. A justificativa, seria manter a informação preservada até o dia seguinte, visto que as rádios locais não possuem programação jornalística – ao vivo – durante o final de semana ou após determinado horário da noite. Parece que o setor não gostou que a informação do áudio tivesse sido manchete dos principais veículos de comunicação antes da segunda-feira. Colegas, os tempos mudaram. O rádio tem sim sua importância, mas não há como negar a força da internet. Além disso, os portais merecem respeito. Priorizar um grupo e excluir – mesmo que temporariamente – outro, é inadmissível. Que bom que voltaram atrás e abriram o grupo para todos. Parabéns por perceberem o equívoco. Mas fica o registro do Portal Infosul.

Dr. Cristiano 

O primeiro a ser atacado e criticado por muitos, Cristiano Ferreira (MDB), pré-candidato a prefeito de Tubarão, em uma de suas lives na última semana, alertou e informou o problema de ocupação dos leitos de UTI em Tubarão. Na ocasião, até foi contrariado por autoridades municipais. Resultado: ele estava certo e o ‘aviso’ foi confirmado pela própria direção do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). Por mais que estejamos no período pré-eleitoral, toda informação precisa ser checada antes de ser contrariada. Ponto para o cardiologista.

Governo apanhando

Por mais que venham fazendo um gigante trabalho na cidade, o prefeito Joares Ponticelli e o vice Caio Tokarski, tem ‘apanhado’ bastante nas últimas sessões na Câmara Municipal. A oposição tem se fortalecido cada vez mais e começa a dar chutes e ponta pés na atual gestão. A base, sequer pede a palavra para defender o governo. O único que se propõe a apanhar pela dupla é o líder do governo Gelson Bento. A impressão que se tem, é que a base não anda muito satisfeita em alguns aspectos com o governo municipal. Vamos tentar conversar com algum vereador da base, para ver o que pode estar acontecendo.

Dizem por ai...

Que tem alma de ex-secretário assombrando muito uma secretaria lá na rua da ponte do quartel, será...

Que já tem gravação de pré-candidato a vereador pedindo votos, ou seja, cometendo crime eleitoral, será...

Que a oposição, mesmo sendo minoria na casa legislativa, está forte e organizada, será...

Que a redução de vereadores ainda pode passar, será...

Que muitos serão candidatos por amor e outros por pressão mesmo, será...