Por que os católicos inclinam a cabeça ao ouvirem o nome de Jesus na Santa Missa?

Imagem: reprodução

Em uma celebração da santa missa, há vários gestos corporais em que os católicos realizam. E um deles, que é praticado há séculos e que foi amplamente divulgado é o costume de inclinar a cabeça diante da menção do nome de Jesus.

São Paulo em sua carta aos Filipenses afirma: "por isso Deus o exaltou à mais alta posição e lhe deu o nome que está acima de todo nome. Para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, no céu, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai. (Filipenses 2, 9-11)

Esta passagem bíblica é o que dá origem a este costume,  instituído pelo Papa Gregório X no século XIII; tendo como objetivo que todos não apenas honrassem o nome de Jesus, mas se submetessem interiormente a Deus com um ato simples de amor.

Tendo em vista que se ajoelhar todas as vezes que o nome de Jesus é pronunciado é bastante difícil.

O Papa Gregório X , escreveu sobre isso para a Ordem Dominicana em 1274, expressando seu desejo de que algum gesto físico fosse feito para honrar o nome de Jesus.

Em sua carta ele diz: “Consequentemente, em obediência a este preceito apostólico: ‘Em nome de Jesus, todo joelho seja dobrado’, desejamos que, ao pronunciar esse nome, principalmente no Santo Sacrifício, todos inclinem a cabeça em sinal de que, interiormente, está-se ajoelhando de coração.

Este pedido do Papa foi levado à sério pelos dominicanos que se tornaram os principais promotores do Santo Nome de Jesus na Igreja Católica.

O simples costume de inclinar a cabeça ao ouvir o nome de Jesus,  deve refletir um desejo interior de honrar Jesus, o único nome pelo qual somos salvos.

Esse texto é de responsabilidade do autor e o espaço neste site é cedido ao mesmo. O Infosul não se responsabiliza pelas informações contidas aqui. Sugestões, críticas ou elogios podem ser enviados para o e-mail: redacao@portalinfosul.com.br.