Portal Infosul reúne dicas de pratos e sobremesas para Ceia de Natal

Falta menos de uma semana para o natal e muita gente sequer comprou aquela lembrancinha. Na correria do dia a dia, não é raro encontrar pessoas que não sabem nem o que será servido na tradicional ceia de natal. Pensando nisso, o Portal Infosul foi atrás de alguém que entende do assunto para dar dicas especiais para todos.

Chefe daquelas para ninguém colocar defeitos, Camila Cechinel da Silva é especialista em doces finos. No entanto, não deixa por baixo seu talento com pratos salgados.

Pratos Salgados

Nossa reportagem questionou Camila sobre alguns pratos que podem ser servidos durante o encontro familiar. Sem rodeios, ela afirma que cada família tem suas particularidades. “Há quem goste de aves, como peru, chester ou bacalhau. Mas também existem os que dão preferência para carnes suínas como o tender”, enfatiza.

A profissional também lembrou das frutas, como as uvas passas, maçãs, as cristalizadas e até damascos; além das oleaginosas tipo castanhas e amêndoas, que dividem opiniões de paladar entre os presentes numa ceia. Há quem goste, mas também existem aqueles que não suportam. A dica é: conversar.

Mesmo com tantas opções diferentes, Camila também dá destaque à pratos mais comuns. “Podemos servir pratos quentes como lasanhas, cucas salgadas, escondidinhos, quiches, empadões. O ideal é montar um cardápio variado e ter cuidado para não exagerar nas quantidades”, alerta.

Dadas as dicas de pratos, é chegada a hora que muitos correm: o preparo. Essa deve ser a hora em que os familiares devem conversar e decidir o que cada um vai fazer na cozinha. Para adiantar essa reunião em família, nossa chefe já adianta que “As aves e o bacalhau são preparos mais elaborados e demanda um certo tempo de cozimento e preparação; desde o descongelamento, período de marinar os temperos e tempo de forno”. Por outro lado, quem optar pelo bacalhau “tem toda a questão do dessalgar”. Já o tender “é mais prático de ser preparado”, garante.

Se você for do tipo que não gosta de grandes trabalhos em um momento de confraternização, fugir da tradição e fazer pratos práticos não deve ser encarado como um problema. Carne assada ou mesmo uma carne suína assada no forno, pode ser uma excelente escolha.

“Saladas de maionese, salpicão, arroz à grega e farofas são mais práticos. O que vai demandar mais tempo são os pratos quentes”, enfatiza a experiente cozinheira.

Hora de decidir a sobremesa

Passou da meia-noite, as crianças já estão cansadas de tanto correr e brincar com os presentes; nada mais justo do que uma sobremesa para acalmar os ânimos. Mas e ai, o que servir para os convidados?

Segundo Camila, os panetones e chocotones – tradicionais – estão cada vez mais elaborados e saborosos. Mas é importante lembrar de peças antigas, como a famosa rabanada ou o épico pavê – ou pra comer – que também são boas alternativas.

“Além desses, pode ser servido mousses, tortas geladas, tortas, pudins, torteletes, verrines, cheese cakes, sobremesas com bombons, morangos e outras frutas”, acrescenta ela que insiste em mostrar que “Nessa época as frutas cristalizadas, frutas secas e frutas vermelhas, são muito utilizadas nas sobremesas”.

Com anos de experiência, Camila destaca que não é necessário grandes investimentos para se fazer uma ceia memorável. Para ela “O mais importante é o real sentindo do Natal. A ceia é um momento de amor, afeto, sorrisos, abraços, carinho, família, presentes, e, muito mais que presente é estar presente. Isso vai superar qualquer cardápio que seja servido”.

Mas se você quer aproveitar a ceia de natal apenas para confraternizar, sem colocar a mão na massa – literalmente – o Portal Infosul também vai ajudar. Camila Cechinel estará recebendo pedidos até o dia 21 de dezembro. Após essa data, alguns dos pratos pode ficar inviável de produzir devido a demanda (mas não custa tentar, viu?).

Desde os pratos quentes às sobremesas. Todo o cardápio pode ser conferido no Instagram profissional @DeliciosaLit ou através do WhatsApp (48) 9 9857-6942.

Alguns dos pratos oferecidos: Peru, Chester, picanha suína, carne de panela, arroz à grega, maionese, salpicão, farofas e saladas natalinas, lasanhas, cucas salgadas, empadões, escondidinhos, quiches, fricassês, doces, tortas e sobremesas.

Gostou? Compartilhe essa ideia com alguém.