Título catarinense do E.C Ferroviário completa 50 anos neste domingo

Foto: Orestes Araujo | Divulgação Foto: Orestes Araujo | Divulgação

Por Caio Maximiano

A cidade de Tubarão comemora neste domingo (29), 50 anos do último título catarinense conquistado por um clube da Cidade Azul. No dia 29 de novembro de 1970, o Ferroviário se sagrou campeão catarinense pela primeira vez em seus 26 anos de história à época. Nada mais emblemático do que conquistar um título estadual em cima do maior rival. E assim foi. O famoso clássico 'Ferro-Luz' decidiu a competição. Um empate sem gols, no Domingos Gonzalez, fez com que o rubro-negro da Vila Oficinas levantasse o caneco.

A competição disputada em pontos corridos terminou com os dois primeiros colocados empatados em número de pontos: 39. Além do Ferroviário, que conquistou o título, o Olímpico, de Blumenau, também atingiu os 39 pontos. O rubro-negro tubaronense foi o grande campeão, já que na época o critério de desempate era o número de derrotas.

A campanha do Ferroviário teve 16 vitórias, 7 empates e 5 derrotas. Já o Olímpico, até obteve um maior número de vitórias que o Ferroviário (17), entretanto, uma derrota a mais (6), fato esse que assegurou a taça para o time tubaronense. Ao todo, foram disputadas 29 partidas.

50 anos um time de Tubarão não conquista um título do Campeonato Catarinense. Antes, somente o Hercílio Luz havia conquistado, um bicampeonato em 1957 e 1958. Após, houve lampejos de boas equipes que bateram na trave e chegaram próximo do feito. Fruto de uma fusão entre o Ferroviário e o Hercílio Luz, o Tubarão Futebol Clube foi vice-campeão catarinense em dois anos consecutivos: 1998 e 1999. O Atlético Tubarão, em 2018, fez a melhor campanha dos últimos anos, conquistando um 3° lugar.

O Esporte Clube Ferroviário, campeão catarinense em 1970, formou naquele dia 29 de novembro com: Da Costa; Carlinhos, Gunga, César e Ernesto; Paulo César e Armando; Márcio, Sissa (Rainoldo), Cesinha e Bahia (Miguelito). O árbitro da partida era Iolanda Rodrigues.