Tubarão conta com “reforços caseiros” para duelo contra o São Caetano

William Lampert | CA Tubarão William Lampert | CA Tubarão

Por Caio Maximiano

Ainda com chances matemáticas de classificação para a próxima fase, o Tubarão terá novidades na delegação que viaja para a cidade de São Caetano do Sul (SP) e enfrenta o time da casa neste sábado, pela 11ª rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. O lateral-esquerdo Cassio e o meia-atacante Thales Quadros foram liberados pelo departamento médico e estão relacionados para a partida contra o Azulão. Contratado recentemente, Cássio disputou apenas uma partida pelo Tubarão, justamente na única vitória da equipe na competição, contra o próprio São Caetano. Desfalcou a equipe de Isaque Pereira nas últimas partidas para tratar de uma lesão muscular na coxa. Thales Quadros é cria das divisões de base do Peixe e disputou duas partidas nesta temporada (17 minutos em campo no total), no início do Catarinense. O garoto de 21 anos sofreu uma lesão no joelho em março e precisou passar por uma cirurgia. Após 8 meses de recuperação, está apto para entrar em campo novamente. Uma curiosidade é que o único gol de Thales no profissional do Tubarão foi marcado diante do São Caetano, na Série D do ano passado. Vale destacar também que o meia esteve emprestado ao Atlético-MG na temporada passada, onde disputou 20 jogos, marcou 2 gols e conquistou o Campeonato Mineiro da categoria sub-20.

Outro jogador que está totalmente apto para atuar e pode até mesmo aparecer no 11 inicial para o confronto deste fim de semana é o lateral-direito Carlos Eduardo. Voltando de lesão, o jogador chegou a atuar por alguns minutos na derrota para o Marcílio Dias e agora pode voltar a figurar no time titular, onde vinha se destacando como o homem das bolas paradas da equipe. Nas últimas partidas, Isaque Pereira teve que improvisar o volante Ramires e o zagueiro Anderson por conta das ausências de Cássio e Carlos Eduardo;

Vice-lanterna do grupo A-8 da Série D com 5 pontos, o Tubarão encara o São Caetano neste sábado (07), às 18 horas, no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Vencendo, a equipe chega aos 8 pontos e se mantém viva na competição nacional. Em caso de tropeço - seja empate ou derrota -, o Tubarão pode ser eliminado já nesta rodada se Pelotas ou Joinville (se enfrentam), Caxias e Marcílio Dias vencerem seus jogos.