Tubarão: Dalton Marcon sugere que gestão realize compra de testes rápidos e respiradores

Foto: Eduardo Zabot

O município de Tubarão deve receber pouco mais de R$ 13 milhões de verba emergencial do Governo Federal. O montante será dividido em quatro parcelas e parte dele deverá ser aplicado em ações de saúde e assistência social no combate ao novo coronavírus.

Desta forma, o vereador Dalton Marcon (MDB) solicitou durante sessão legislativa na última segunda-feira, 11, que o prefeito Joares Ponticelli analisasse a viabilidade de investir parte do recurso na compra de no mínimo 50 respiradores (ventiladores pulmonares) e também 15 mil testes rápidos para detecção da Covid-19.

Ainda no requerimento, o edil pediu a realização de Convênio entre a Fundação Municipal de Saúde e Hospital Nossa Senhora da Conceição, para destinação de no mínimo R$ 2 milhões para compra de EPI’s, álcool em gel e testes de COVID para os funcionários que estão na linha de frente do combate ao vírus.

O parlamentar justificou o requerimento tendo em vista as inúmeras ‘súplicas’ que têm recebido da população, empresários e profissionais da saúde.

Procurado pela reportagem do Portal Infosul, Daisson Trevisol, diretor-presidente da Fundação Municipal de Saúde, responsável pelas medidas sugeridas, disse que “Todos os pedidos enviados pela Câmara são avaliados em conjunto com a gestão, e caso seja importante ou necessário a gente faz. Normalmente as ações que são possíveis e viáveis a gente já tem planejado, já tem previsto, e elas vão acontecer”.